Empreendedorismo

A Empresa Júnior mudou a vida do Wellington para sempre

Escrito por formeieagora

Olá, eu sou o Wellington, tenho 28 anos. Sou alagoano, mas cresci em São José dos Campos-SP e hoje moro em Poços de Caldas-MG.

Já passei por várias situações que por muito tempo eu acreditei que seriam obstáculos: venho de uma família bastante humilde, morava num bairro de periferia, minha mãe é empregada doméstica e meus pais se separaram quando eu ainda era muito novo. Sempre tive minha mãe como referência, pois fazia de tudo para não faltar o arroz e feijão em casa, e mostrar a importância de se trabalhar duro.

Isso tudo, de certa forma, poderia contribuir para que eu não procurasse  oportunidades fora da minha realidade, mas eu sempre tive sonhos maiores!

E eu sempre tive um lado empreendedor – ainda criança eu vendia figurinhas do Cavaleiros do zodíaco e chup-chup junto com meu irmão; comecei a trabalhar como pacoteiro em um supermercado aqui da região. E sempre tive paixão por trabalhar com pessoas e por tirar ideias do papel, mas tudo isso só ficou mais claro para mim bem mais tarde, na faculdade, quando conheci a Empresa Júnior.

Eu sempre acreditei que o jovem precisa de uma chance para fazer a diferença e é ai que minha história com o MEJ começa. Tudo se inicia com uma porta fechada, isso mesmo, uma porta fechada que abrigava a PUC Júnior, Empresa Júnior do curso de Administração. Sempre imaginava o que poderia existir atrás daquela porta, o que fariam lá… Afinal uma Empresa Júnior é uma empresa, então coisas incríveis deveriam acontecer lá!

E foi a partir do meu envolvimento com a Empresa Júnior que muitas coisas aconteceram na minha vida. Eu comecei a empreender, ainda na graduação, na área de consultoria e treinamentos (hoje já faz mais de 4 anos!). Foi através da EJ que eu fiz minha primeira viagem de avião (um sonho até então impossível) para participar do ENEJ Costa do Sauipe. É por conta da EJ que hoje eu sou prestador de serviços na universidade que estudei. Até minha namorada eu conheci por conta da EJ!! rsrs

A Empresa Júnior também me colocou em contato com a Fundação Estudar. Eu participei de uma das primeiras edições do Laboratório Estudar em 2012 (um programa de formação de lideranças), e a partir dele me tornei mentor e multiplicador do Labx.  Criei, também, junto da minha namorada um projeto na área de educação empreendedora, a Empreendescola!

Hoje, eu sou um dos organizadores da Semana Global do Empreendedorismo de Poços de Caldas e fui um dos 10 jovens do país a ser selecionado ano passado para participar da rede Red Bull Amaphiko em sua primeira turma e também faço parte da rede RAPS (Rede de Ação Política pela Sustentabilidade).

Toda essa mudança que aconteceu e que vem acontecendo deu-se pela inconformidade com minha situação inicial, e pela minha busca por novas referências. E eu tenho certeza que muitas destas mudanças não existiriam se não fosse meu envolvimento com o MEJ.

Hoje eu estou seguindo meu caminho como empreendedor na Empreendescola e Ação Treinamentos. Desde o final da universidade tenho tentado ajudar outros jovens que não tiveram muitas oportunidades como eu.

Quanto mais eu enxergo, mais quero compartilhar o que eu vejo com outras pessoas!

Era difícil pra caramba não ter, as vezes, R$ 5,00 para tomar uma cerveja no final de semana, mas, no final, empreender por uma causa em que eu acredito vale muito a pena! Criar o Empreendescola foi um acerto; não desistir, também; ir pelo caminho que poucos vão, também. Tenho certeza!

Meu sonho grande é ser um embaixador do empreendedorismo para cidades de médio e pequeno porte. Faço isso através do Empreendescola ajudando jovens a mudar seus destinos 😀

Eu quero tornar o Empreendescola uma referência ao jovem como ponto de virada, um processo que pode ser a grande guinada que faltava para mudar suas referências!

Sobre o autor

formeieagora

Deixe uma resposta