Diversos Fora da caixa

Trabalhar e morar fora parece ser um sonho grande demais?

Escrito por formeieagora

Pode até ser grande, mas possível de se realizar. Conheça a trajetória da Juliane Silva:

Demorei um pouco para contar minha história. São vários os motivos, mas principalmente porque não sentia que poderia adicionar algo para as pessoas, por estar muito no inicio da carreira e ainda em busca da minha exata direção profissional.

Mas essa semana resolvi, no meio do turbilhão de coisas do dia-a-dia, parar tudo e fazer meu “balanço geral”. Toda empresa bem administrada precisa fechar o “livro caixa” de tempos em tempos. E dessa vez, foi tão bom colocar “as contas” (escolhas e caminhos) em dia, que me convenci que talvez isso poderia incentivar alguém a fazer o mesmo.

Fazer esse exercício não só me recarregou de forças, como também dissipou algumas nuvens que vão surgindo e vão tirando a visão de onde viemos, quem somos e onde queremos chegar.

Sem encher de detalhes e querendo manter minha linha pratica e de raciocínio logico, encontrei em um post no Instagram da juu_saldanha, um bom modelo cronológico para assim poder refletir sobre os significados e aprendizados de cada fase:

Aos 15 anos, eu queria falar outros idiomas. Isso significava para mim: Abrir a mente. Com 16 anos, meu objetivo era estudar na Escola Técnica Federal de São Paulo. Significado:Descobrir Oportunidades. Aos 17 anos, formada como técnica, uma duvida rondava minha mente : arquiteta ou engenheira? Significado: Enxergar Possibilidades. Aos 18, iniciei minha carreira profissional ao lado de ótimos profissionais – que viraram ao longo dos anos, bons amigos. Aprendizado: Ter Exemplos à seguir.

Com 19 anos, vivi na pele a dificuldade de ao mesmo tempo trabalhar e estudar, morando longe (enfrentando 2 horas a ida e 2 horas a volta para casa todos os dias). Lição aprendida: Ter Determinação. Aos 20 anos, pedi demissao do meu “bom emprego” para fazer faculdade, pois eu queria ir mais longe. Nome disso: Sair da Zona de Conforto.

Com 21 anos, passei no concorrido vestibular para Universidade Federal de Ouro Preto no curso de Arquitetura e Urbanismo. Significado: Alcançar Resultados.Mas, durante o curso, ainda existia um olhar dentro de mim vertendo para a Engenharia. Então aos 22 anos, cursando arquitetura conquistei uma vaga e uma bolsa de estudos para cursar Engenharia na França. Significado: Expandir horizontes.

Com isso, eu descobri como era estudar no exterior e a partir dai eu queria saber como era trabalhar fora do Brasil. Aos 23 anos, tive meu estágio internacional e dizia que estava na melhor empresa que ja trabalhei localizada na melhor cidade que já morei. Foi também nesse momento que descobri quais áreas eu queria seguir – de energia e de negócios. Isso se chama: Brilho nos Olhos.

Aos 24 anos, eu queria me tornar uma profissional competente e após um bom tempo falando francês, eu via meu inglês se distanciando de mim. Felizmente, tive a chance de fazer um curso de Business English em Liverpool, na Inglaterra. Significado: Investir em voce.

Com 25 anos, me formei e ao mesmo tempo fui premiada pela Universidade por estar entre os 5 melhores coeficientes do curso. Aprendizado: Ser grata.

Ainda aos 25, eu queria ser Trainee para trilhar uma carreira de negócios. Depois de passar por um longo processo seletivo e muito, muito concorrido, fui para a final, mas não fui contratada. Lição aprendida: Portas fechadas também ensinam.

Aos 26 anos, entrei para um processo seletivo para uma vaga naquela tal melhor empresa que já trabalhei na tal melhor cidade que já morei. A cada fase e entrevistas que passava, aguardava em silêncio, pois antes de qualquer outra pessoa, era eu quem precisava enxergar que podia dar certo. Aprendizado:Acreditar naquilo que parece impossível.

Aos 27 anos, fui contratada na mesma empresa que fiz meu estágio depois de quase 5 anos. Fiz as malas para mudar de pais, de continente e de área de trabalho. Isso se chama: Ter Coragem.

Hoje aos 28 anos, trabalho planejando o crescimento da rede elétrica da cidade de Estrasbourgo, na França. E para minha alegria, meu trabalho é um mix das áreas de energia, negócios e urbanismo. Ou seja, minha trajetória e minhas escolhas até aqui, não foram assim tão loucas. Significado: Buscar o que faz sentido para você.

Atualmente, quando me perguntam sobre meu emprego, minha resposta é: Eu amo o meu trabalho. A sensação de dizer e viver isso não tem preço. Hoje, consigo enxergar com tudo isso, alguns pontos importantes. Pontos que fazem eu gostar do que faço e da maneira que trabalho e talvez você também concorde comigo.

Há uma grande importância em trabalhar com pessoas que te inspiram. É necessário sentir que sua missão tem um importante significado para você e a sociedade. A busca por melhores resultados traduz nosso estado de constante desenvolvimento. Ter objetivos nos leva a crescer e a nos transformar.

Nessa minha pequena trajetória, com certeza não sou mais a mesma. Cresci e evolui com meus acertos, mas também com os meus erros. Sempre refleti meus objetivos profissionais me baseando em 3 anos. Até hoje, esse tempo me deu condições de visualizar, planejar e agir. É muito importante conseguir enxergar aonde se quer chegar. Se projetar, se ver na posição, na situação, no lugar que se almeja estar. Escreva, desenhe, ilustre seus sonhos. Materializa-los na sua mente para conseguir transforma-los em ações e em resultados.

A pergunta que fica é: Como você vai conseguir o emprego dos seus sonhos se você mesmo não consegue se ver na tal posição? Diante dessa situação é necessário entender os motivos que te distanciam do almejado cargo. Descubra. Trace-os. Encontre as chaves para reverte-los. Planeje. Aja.

Lembro-me de algumas conversas com a Luiza em que chegamos a simples conclusão que: Sonhar grande leva o mesmo tempo que sonhar pequeno. A escolha é de cada um.

Sobre o autor

formeieagora

Deixe uma resposta